Contagem Regressiva - De olho no acesso #1 ~ Bora Leão
Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]

segunda-feira, 7 de setembro de 2015

Contagem Regressiva - De olho no acesso #1

Postado por Bora Leão às 19:47:00 segunda-feira, 7 de setembro de 2015
La la laiá, tá chegando a hora”.
Finalmente, ilustres, a expectativa das quartas-de-final novamente toca o mais intenso dos nossos sentimentos: a ansiedade.
Temos hoje o nosso post inaugural de envolvimento com o mérito da coluna que, por motivos específicos, está saindo numa segunda-feira. Ao longa da semana fiquem atentos, que a coluna deverá ser atualizada logo logo.
A intenção da coluna, como já foi explicado anteriormente, é estudar o possível adversário do Fortaleza e as condições de partida. Caso a primeira fase do campeonato se encerrasse hoje, o Fortaleza enfrentaria a equipe do Juventude.
O Juventude irá enfrentar a Portuguesa, hoje(07), na fiel briga pela 4ª (quarta) posição do grupo B. O jogo será no estádio Canindé, localizado na Capital paulista. Caso vença a partida, a Portuguesa poderá ser tema de nossa coluna da próxima semana, pois, em caso de manutenção do Fortaleza na primeira colocação do grupo, o “suposto confronto” (em cima do qual trabalhamos aqui) será entre as duas equipes.
Fortaleza e Juventude golearam na última rodada. Fortaleza venceu a equipe do Salgueiro por 4x2 e o Juventude derrotou o Madureira pelo placar de 5x0. Salgueiro e Madureira não devem ser considerados grandes ameaças, mas em um campeonato acirrado como este, qualquer adversário poderá apresentar risco à classificação.

Ambos marcaram o mesmo número de gols, mas o Juventude sofreu 7 a mais que o Tricolor do Pici. A equipe do Sul acumulou 22 pontos com seus resultados na competição, sendo 5 vitórias, 7 empates e apenas 2 derrotas. O Fortaleza tem 31 pontos, mais que todos os clubes da competição, seja a qual grupo pertença. O Leão tem 9 vitórias, 4 empates e também 2 derrotas. As equipes se parecem e, felizmente, o Fortaleza anda melhor no campeonato, o que faria com que este carregasse o peso de favorito no confronto classificatório.
É isso, pessoal. Novamente esperamos que o Fortaleza suba para a Série B da competição, lugar que entendemos ser dele de direito e de dever. A equipe está mais forte, a diretoria pensa diferente e esse foi o ano da quebra de tabus. Um tabu a mais será quebrado, nas quartas-de-final do campeonato deste ano de 2015. Desse ano não passa – o Leão há de subir!
Até logo, com o faltar de menos dias na nossa contagem regressiva.

Matheus Gifoni – Bora Leão.