Um Clássico da Cores sem graça ~ Bora Leão
Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]

segunda-feira, 28 de setembro de 2015

Um Clássico da Cores sem graça

Postado por Luca Laprovitera às 17:33:00 segunda-feira, 28 de setembro de 2015

Depois de 1 ano e sete meses sem Clássico das Cores, o retorno dos rivais foi em um jogo moroso, de poucas chances, muito nome e pouco futebol. De um lado, um Fortaleza que estreava Jean Mota, contava com alguns de seus reservas diretos como Genilson, Vinícius Hess, Elias, Tiago Azulão e Ricardo Jesus. Do outro lado um Ferroviário com Amaral, Gladstone, Rinaldo, Juninho Cearense e Clodoaldo, no placar, um sem graça 0x0. 

Comandado pelo auxiliar Caé Cunha, o Fortaleza se postou em um 4-5-1 e mostrou desentrosamento básico de jogadores sem ritmo e que nunca jogaram juntos nesse esquema. Tranquilo, o goleiro Erivelton mostrou porque deve ser titular no próximo ano. Improvisado na lateral-direito, o volante Junior mostrou segurança, mas pouco subiu ao ataque. A dupla de defesa foi tranquila, pouco acionada, já o lateral-esquerdo Bruno, sofreu um pouco com as subidas de Amaral, mas foi tranquilo na partida. 

O meio-campo deixou um pouco a desejar, Vinícius Hess e Felipe fizeram boa partida, marcando bem e chegando ao ataque, já Tiago Azulão pareceu afobado, tentava imprimir velocidade, mas com a falta de um lateral-direito de ofício ficou isolado. Elias sem ritmo, deu passes bons, mas os mais de 30 dias sem jogar fizeram diferença. Jean Mota teve boa estréia, mas desentrosado não conseguiu aplicar isso no resultado do jogo. Ricardo Jesus pouco fez, com um meio-campo preso ficou isolado e não foi bem. No fim, o Fortaleza se mantém na terceira posição com 4 pontos em três jogos, o mesmo do Ferroviário, que em quatro jogos tem o saldo pior e fica na quarta posição, a frente apenas do Ceará sem nenhum ponto marcado em dois jogos. 

Agora o Leão joga quinta-feira (01/10) contra o Ceará no Presidente Vargas, às 15:30 com transmissão da FCF TV e portões fechados. Sete dias depois, na outra quinta (08/10), o Ferroviário enfrenta o mesmo Ceará, só que no Carlos de Alencar Pinto, às 15:30. 

FICHA TÉCNICA
Fortaleza: Erivelton; Júnior, Genilson, Max Oliveira e Bruno; Vinícius Hess, Felipe (Nonato), Tiago Azulão, Elias e Jean Mota (Romarinho); Ricardo Jesus (João Pedro). Téc: Caé Cunha.
Ferroviário: Diónantan; Amaral, Airton Jr, Vítor e Zadda; Gladstone (Johnny), Maiquel (Niel), Matheus e Juninho Cearense; Giancarlo e Rinaldo (Clodoaldo). Téc: Vladimir de Jesus.
Local: Estádio Alcides Santos, Fortaleza (CE).
Hora: 15:30.
Árbitro: Magno Cordeiro.
Assistentes: Jailson Albano e Getur Almeida.

Por Luca Laprovitera