Para que servem as câmeras? ~ Bora Leão
Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]

quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

Para que servem as câmeras?

Postado por Luca Laprovitera às 18:04:00 quarta-feira, 9 de dezembro de 2015
Foto: Thais Jorge/GloboEsporte.com
Foi julgado hoje o processo que punia Fortaleza e Ceará pela confusão das torcidas em campo na final do Campeonato Cearense desse ano. O Leão que tinha pego 19 jogos anteriormente, teve sua pena reduzida para 7 partidas e com o pagamento de 5 delas na Fares Lopes já atua no dia 10 de Fevereiro contra o Icasa com seu torcedor. Os alvinegros caíram de 14 para 5 e já pagaram todos os jogos na Fares. Agora me fica a dúvida, para que servem as câmeras da Arena Castelão?

Mais uma vez os clubes tem que pagar pela incompetência do estado em não punir o culpado. Dentro do estádio haviam câmeras pelo menos dez emissoras de televisão, além das 280 câmeras de segurança que seriam utilizadas na investigação (veja aqui). Agora, até quando responsabilizar a instituição pelo ato de terceiros? Eles estão aí, podem ser identificados pelas fotos, pelas filmagens, mas novamente todos sairão impunes. 

Mas é mais fácil punir o clube dos que os responsáveis, isso é uma tendência mundial. O cidadão invade o campo, mas o clube é punido, ao invés da pessoa, dando uma sensação de impunidade e praticamente dizendo: "Não é proibido, façam sempre!". Isso acontece em todas as instâncias do futebol, semana passada, o todo poderoso Real Madrid escalou de forma irregular o meio-campista russo Denis Cheryshev contra o Cádiz pela Copa do Rei e foi excluído da competição, aí me pergunto como a LFP, uma das maiores instituições futebolísticas do planeta, dona de um dos campeonatos esportivos mais lucrativos do mundo, que nos últimos cinco anos viu seus clubes e seleções serem campeões mundiais e da Europa, não possuir uma súmula eletrônica nem para o jogo do maior time de seu país, o mais rico do mundo e evitar esse tipo de coisa?

Esse ano o Pacatuba foi excluído da Fares Lopes por não pagar as taxas do torneio. O time tem que pagar logística, jogadores, viagens, uniformes e ainda tem que pagar a Federação para um torneio completamente deficitário, saíram de líderes do grupo e candidatos ao título a excluídos e eliminados. Ontem mesmo, Paysandu que ficou em 4º lugar no Campeonato Paraense desse ano, Águia de Marabá que foi rebaixado no mesmo torneio e o Vila Nova que ganhou a Segunda Divisão Goianiense "ganharam" as vagas na Copa Verde em detrimento de Parauapebas e Independente que tinham ganho suas vagas no campo, sendo 3º lugar e vice-campeão do Campeonato Paraense, perdendo seus lugares de direitos e prometido para clubes via ranking da CBF, novo método criado ontem pelos organizadores do torneio. 

Alguns podem dizer que saí demais do foco, mas não, o objetivo é justamente esse, seja aqui em Fortaleza com um campeonato que mal se paga até uma das maiores ligas do mundo, as câmeras não servem de nada, o torcedor é prejudicado pelo amadorismo dos que organizam o esporte e no momento só nos resta lamentar. Quem sabe isso um dia mude, mas pelo visto, a atitude transformadora tem que partir da arquibancada.

Por Luca Laprovitera