Boeck chega aos 75 jogos pelo Leão quebrando recorde e querendo mais ~ Bora Leão
Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]

quinta-feira, 2 de agosto de 2018

Boeck chega aos 75 jogos pelo Leão quebrando recorde e querendo mais

Postado por Luca Laprovitera às 14:42:00 quinta-feira, 2 de agosto de 2018
Boeck comemora vitória pelo Fortaleza. (Foto: Fortaleza/Divulgação)
Principal nome do Fortaleza nas últimas duas temporadas, o goleiro Marcelo Boeck caiu nas graças da torcida logo nos primeiros jogos. Campeão da Taça dos Campeões Cearenses em 2017 e um dos heróis do acesso à Série B, o experiente paredão chegou a marca dos 75 jogos pelo Leão, se tornando o goleiro com mais partidas disputadas pelo clube na década. 

Com 44 partidas disputadas na temporada passada, Boeck só estava atrás de Erivelton com 42 jogos, Lopes com 45, Ricardo Berna com 48 e do então líder, João Carlos, com 55 jogos disputados. Marcelo Boeck completou 75 jogos no último sábado (28/07), contra o Juventude-RS, no Alfredo Jaconi e falou conosco sobre a emoção de atingir a marca: "Na verdade eu estou devolvendo aquilo que o Fortaleza fez comigo que era a oportunidade de estar aqui, a oportunidade de poder representar dessa maneira o clube. Espero que venham mais 75 e muito mais." - o goleiro também falou da responsabilidade de chegar na expressiva marca: "Me traz uma responsabilidade ainda maior para aqueles jogos que ainda estão por vir, mas essa responsabilidade para mim é um grande prazer." - completou Boeck.

Marcelo Boeck com a medalha de campeão da
Taça dos Campeões Cearenses de 2017. (Foto: Divulgação)
Campeão da Taça dos Campeões em 2017, o goleiro viu três vices seguidos da Série C e da Fares Lopes de 2017, e do Campeonato Cearense de 2018. Líder da Série B, Boeck também falou do objetivo em conquistar o inédito título da Segunda Divisão: "A gente tem que ter a real noção do que fizemos até agora. Se a gente continuar com essa pontuação e melhorar um pouquinho mais nós vamos lutar e chegar ao título que todos querem. Agora nós sabemos que o Segundo Turno vai ser ainda mais difícil e será ainda mais competitivo.", e complementou falando da importância de vencer em casa e de um possível título: "A gente tem que aproveitar os jogos em casa, que são fundamentais para a gente marcar ponto. Nesse sábado já é uma oportunidade muito grande para a gente voltar a vencer em casa, voltar a fazer esses 3 pontos e depois buscar uma duas ou três vitórias fora, que nos darão essa condição de lutar e ser campeão, porque acho que não só os jogadores, principalmente o clube merece colocar essa estrela no ano do centenário".

Boeck recebe instruções do técnico Rogério Ceni em amistoso
contra o Gama, em janeiro. (Foto: Fábio Marques/FortalezaEC)
O paredão tricolor não pára por aí e quer passar o seu antigo preparador de goleiros e amigo, o ídolo tricolor Bosco ainda em 2018 em número de jogos: "Vou buscar mais, não sei se chego no Salvino ou no Lulinha, mas esse ano já passo o Bosco que tem 86 jogos e no Cearense que vem espero chegar aos 100 jogos, porque meu intuito é jogar todos os jogos e nunca sair" - completou Boeck que chegará ao jogo número 76 no sábado contra o Coritiba, às 16:30, na Arena Castelão. 

Por Luca Laprovitera