Após 74 dias, Fortaleza reencontra torcida no Castelão ~ Bora Leão
Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]

segunda-feira, 28 de janeiro de 2019

Após 74 dias, Fortaleza reencontra torcida no Castelão

Postado por Paulo Rodrigo às 15:41:00 segunda-feira, 28 de janeiro de 2019
Foto: Mateus Dantas/ O POVO

Uma longa espera de 74 dias chega ao fim hoje, 28, às 20 horas, na Arena Castelão. Diante do CSA-AL, pela 2ª rodada da Copa do Nordeste, o Fortaleza reencontra seu torcedor que, para além da saudade, anseia em observar o comportamento do novo grupo em seu segundo desafio na temporada. Dessa vez, dentro de casa.

Como foi a preparação


A última semana foi de preparação intensa para a partida, que marca o primeiro encontro do Tricolor com um adversário de Série A na temporada. Sob o comando de Rogério Ceni, o grupo revezou entre atividades em dois turnos e apenas um; abertas e fechadas à imprensa, mas todas com a presença de todos os atletas. Com exceção aos poupados em uma ocasião e outra.

Do elenco, apenas o zagueiro Juan Quintero e o volante Gabriel Dias aguardam regularização. O meia Madson, que busca a condição física ideal, é a dúvida para a lista do treinador. O atleta, porém, se disse confiante para a convocação.

Apesar de cedo para falarmos em titulares, podemos ter surpresas. Diego Ferreira e Carlinhos estão à disposição e aguardam oportunidade para entrar em campo. Além disso, há certa expectativa na participação de Edinho no "time de saída".


Duelo particular


Fortaleza e CSA travam um duelo bastante curioso nos últimos anos. Em 2017, ainda na Série C, os alagoanos ficaram com o título da competição, enquanto o Leão amargou o vice-campeonato. Já em 2018, na Série B, a situação se inverteu, com o Tricolor campeão do certame e o Azulão como vice. A vantagem atual, porém, é dos visitantes, que não sabem o que é perder uma partida dessa rivalidade desde 2001.

Diante do seu torcedor, o Fortaleza terá a chance de quebrar esse e outros tabus, começar a temporada bem em seus domínios e testar atletas que ainda não entraram em campo. E aí, qual o seu palpite?