10 jogos inesquecíveis da Série B 2018 ~ Bora Leão
Please enable / Bitte aktiviere JavaScript!
Veuillez activer / Por favor activa el Javascript![ ? ]

sábado, 13 de abril de 2019

10 jogos inesquecíveis da Série B 2018

Postado por Luca Laprovitera às 12:54:00 sábado, 13 de abril de 2019
Elenco levanta a taça no Castelão (Foto: Divulgação/Fortaleza)
Há exatamente um ano o Fortaleza começava sua caminhada vencedora para o inédito título da Série B do Brasileiro. Faltando 15 dias para a estreia na Série A 2019, listamos dez jogos inesquecíveis da caminhada tricolor que nos deram a taça.

FORTALEZA 2X1 GUARANI (1ª RODADA)

Aniversariante do dia, a estreia tricolor foi um prenúncio do que viria pela frente. Jogo disputado, sofrido, mas com vitória do Fortaleza. Tinga abriu o placar o 2º tempo, o Guarani empatou, mas Gustavo com golaço quase aos 49 minutos levou os quase 13 mil torcedores à loucura. 

FORTALEZA 3X0 GOIÁS (5ª RODADA)

Ainda invicto, o Fortaleza pegava o tradicional Goiás no Castelão e não ficou barato. Uma das melhores atuações tricolores, o Leão não tomou conhecimento depois de 45 minutos difíceis. Foi por cima que o tricolor furou a zaga adversária com Ligger e depois Gustavo, fechando o placar com golaço de Dodô.

FIGUEIRENSE 1X3 FORTALEZA (6ª RODADA)

O jogo que era considerado o mais difícil até ali na Série B. Partida no sempre difícil Sul do país, contra o Figueirense que tinha sido campeão estadual em cima da Chapecoense, tinha feito bom caminho na Copa do Brasil caindo na Terceira Fase para o Atlético-MG nos pênaltis após vencer em Belo Horizonte, o time catarinense vinha de duas derrotas, entre elas no Clássico contra o Avaí e vinha mordido contra o Fortaleza. O Leão até saiu perdendo, mas deu um baile de bola no Orlando Scarpelli e virou com gols de Bruno Melo, Edinho e Gustavo, chegando até ali à quinta vitória em seis partidas.

JUVENTUDE 0X3 FORTALEZA (18ª RODADA)

O Fortaleza nunca havia vencido um jogo no Rio Grande do Sul, eram 4 jogos sem vitória e sem Gustavo, artilheiro do time lesionado. O Leão estreava o atacante Ederson que não decepcionou, dando o passe para gol de Adalberto e marcando o seu. O centroavante Getterson ainda fechou o caixão, um jogo incrível.

GUARANI 2X3 FORTALEZA (20ª RODADA)

O Guarani foi difícil na ida e na volta, mas nos trouxe dois jogos memoráveis. O Bugre saiu na frente no Brinco de Ouro e abriu 2x0 ainda no primeiro tempo do jogo. Em um segundo tempo avassalador o Fortaleza foi para cima e virou o jogo. Felipe diminuiu o placar em um chutaço de longe. Aos 41 minutos, em um bate-rebate na grande área, a bola sobrou para Gustavo que empatou o jogo. A torcida já estava satisfeita, mas o Fortaleza é das obras impossíveis para muitos, menos para ele. Marcinho, aos 48 minutos (olha lá de novo), aproveitou passe de Tinga de cabeça e virou. Para muitos, o título veio ali. 

BRASIL DE PELOTAS 0X1 FORTALEZA (30ª RODADA)

Três anos antes o Brasil de Pelotas foi responsável por uma grande decepção da torcida tricolor. O Bento Freitas foi local de derrota no mata-mata da Série C 2015, mas na Série B de 2018 foi palco de festa. Em jogo duro, com pressão do Xavante que buscava fugir do rebaixamento, o Fortaleza jogou com inteligência. O zagueiro Ligger quase aos 29 do 2º tempo arriscou de longe um tirombaço e deu a vitória ao Tricolor que começava a ver com bons olhos a taça da Série B.

FORTALEZA 1X0 PAYSANDU (32ª RODADA)

Famoso jogo do Centenário, a partida foi dois dias depois do aniversário de 100 anos do clube. Castelão lotado, mosaico 360º graus, Fortaleza Eterno Amor cantando à plenos pulmões por 50 mil tricolores e pelos músicos no gramado, foi tudo perfeito e ao melhor jeito do Fortaleza. Jogo difícil, contra um dos principais rivais inter-regionais do clube, o Paysandu, e com direito à gol aos 47 do 2º tempo, como só o Fortaleza sabe fazer. Gustavo praticamente selava o título da Série B e levava milhões de tricolores ao choro. 

ATLÉTICO-GO 1X2 FORTALEZA (34ª RODADA)

O jogo do acesso foi incrível. O Leão foi impecável, com gols de Gustavo e o novamente autor de gol de acesso Bruno Melo, o Tricolor abriu 2x0 em Goiânia. O Atlético que ainda sonhava com uma volta à Série A partiu para cima e até diminuiu, mas Marcelo Boeck pegou tudo e no fim do jogo o torcedor podia gritar: "VOLTA LEÃO, PRA PRIMEIRA DIVISÃO", depois de 12 anos, o Leão estava de volta à Série A.

AVAÍ 0X1 FORTALEZA (36ª RODADA)

O Fortaleza chegava praticamente como campeão da Série B, dependendo da combinação de resultados, apenas um empate seria suficiente para levantar a taça. O tempo foi passando e os resultados necessários aconteciam, mas o time queria ser campeão de forma inapelável, sem dar abertura até que aos 49 do 2º tempo Rodolfo Bardella cruzou o campo e determinou a vitória e o título da Segunda Divisão, e novamente um grito saltava da garganta do torcedor tricolor: "É CAMPEÃO!"

FORTALEZA 4X1 JUVENTUDE (37ª RODADA)

Depois de dois anos, Fortaleza e Juventude voltavam a se enfrentar em um Castelão lotado. Se em 2016 a festa foi do clube gaúcho, dessa vez o torcedor tricolor não iria chorar de tristeza ao fim, já entrava no estádio com a felicidade de ser campeão Brasileiro. Uma festa poucas vezes vista, mais de 50 mil torcedores nas arquibancadas, mosaico brilhante e um futebol impecável. O Juventude pensou em molhar o chopp e abriu o placar, mas não resistiu à força do Tricolor, Marlon empatou, Gustavo marcou seus últimos dois gols pelo Leão e Marlon deu números finais. Era dia de festa, de felicidade e depois de finalmente Marcelo Boeck levantar um troféu como capitão do Fortaleza, frente a um lotado Castelão, como roteiro de cinema. 

E você, torcedor? Qual seu jogo inesquecível da Série B 2018?

Por Luca Laprovitera